quarta-feira, 18 de abril de 2007

Parêntese

Abro um parêntese na descrição da minha viagem a Paris para mencionar três assuntos dessa semana. Afinal, não só eu existo no mundo.

Assunto 1: Felipe Massa venceu o GP do Bahrein domingo passado de forma brilhante. Apesar do narrador aqui da Itália ainda ter passado a corrida toda torcendo mais pelo Hakinen, eu acredito no Massa e se ele tiver mais duas ou três corridas assim tenho certeza que ele conquista os Ferraristas. Foi muito bom ouvir o hino brasileiro na TV daqui. Dá-lhe Massa!

Assunto 2: Não entendo o que acontece nos EUA. Volta e meia alguém resolve entrar atirando em escolas e Universidades e nunca se tem sequer uma idéia do porquê. É porque eles têm tudo o que querem? Porque vivem em ambientes muito conservadores como o estado da Virginia (não me lembro de episódios assim em lugares mais liberais como Nova York e California) e o idealizado pelo presidente Bush? Porque lá o acesso à armas de fogo é muito fácil (no ótimo documentário "Tiros em Columbine", Michael Moore mostra munição de diversos calibres a venda em um grande supermercado americano, então o cara pode pensar: "vou ali no super comprar pão, umas cervas e munição pro meu 38", conveniente demais...)? Enfim, esse assunto tem várias perguntas e nenhuma resposta. Infelizmente eu também não tenho a resposta. Eu, aliás, cheguei a me inscrever pra fazer o doutorado na Virginia Tech. Ainda bem que minha nota no GRE não foi lá essas coisas.

Assunto 3: Resolvi aderir a seguinte campanha:

6 comentários:

manoperez disse...

É triste uma situação como essa na Virginia tech....
assim como acontece no iraque...
será que não tem nada mais de errado por ai?

Sobre o massa, acho ele um bom piloto mas ainda acho o hamilton o maior destaque da temporada (o que já era esperado!). Seguido do alonso que é bem regular e toda oportunidade que tiver vai pontuar bem...

Já o Kimi é beemm fraquinho mesmo hein!! Dos 4 principais é oq espero menos resultados!!

O que deixa ainda melhor é o carro da ferrarique, até agora, é o melhor entre as duas!!
A maior decepção é a renault que tem o fisichela (que todos conhecemos bem! A natureza cuida!!) e o outro finlandes fraco fraco hein!!

abraço
Ivan

Leonardo disse...

Pois é Ivan, também não entendo a guerra. No próximo "Livro do Mês" acho que vou falar de um livro que aborda esse assunto.

Sobre a F1, concordo que o tal de Hamilton é o cara, parece um baita piloto. Mas a questão é que a Ferrari parece ter um carro melhor, e na Formula um muitas vezes conta mais o carro que o piloto. Infelizmente (ou não, pro massa). De qualquer forma é muito legal ver um campeonato com quatro pilotos brigando pelo titulo, ao invés de um cara só ganhar com meia dúzia de corridas de antecedência. Tomara que continue assim até o final, que nem aquela época que tinha Senna, Piquet, Mansell e Prost, todos dividindo todas as curvas. Falar nisso faz tempo que não tem uma corrida com chuva forte pra ver quem é braço mesmo. Aí sim depende mais do piloto que do carro! Abração.

manoperez disse...

Eh realmente com chuva a gente vai descobrir quem é quem nessa turma nova! Também espero que seja assim até o final! O pau tem que quebrar soh faltou a renault com mais um piloto bom! Não intendo como uma equipe que fez duas temporadas muito bem consegue ir tão mal assim? Tem q subir o Piquet jr. e aposentar o fisichela. Apesar do fisi ir melhor que o outro, ele não vai dar mais nada na f1, alias nunca deu, e o outro quem sabe? é a sua primeira temporada


abraço
Ivan

Leonardo disse...

Concordo Ivan. Seria massa se a Renault também estivesse forte. Mas eles mudaram muita coisa do ano passado pra esse. Trocaram os pilotos, os engenheiros, o patrocinador (talvez esse novo dê menos grana), os pneus que eram Michelin... Bem dissestes que o Fisichella não é lá essas coisas (apesar da força que a TV daqui tenta dar pra ele e pro Trulli) e o estreante deles também não se acertou. Não sei se lestes no meu comentário aqui sobre o GP da Austrália, o Briattore deu uma entrevista depois daquela corrida dizendo que o cara tinha sido péssimo. Sem meias palavras, nunca tinha visto um "treinador" falar que um seu atleta foi péssimo. Talvez dê uma melhorada quando se adaptarem melhor a tantas mudanças, mas talvez seja tarde demais. Veremos.

Fonseca disse...

Véio, sobre a Virgina Tech eu realmente não consigo entender o que se passa na cachola dos estadunidenses ("americano" eu também sou!)... Isso sempre acontece lá! Outro dia vi o imbecil do Dr. Phil, psicólogo famoso nos EUA, dizendo que isso é culpa dos VIDEOGAMES DE TIRO. Então, se assim fosse, os japoneses tavam tudo dando SHORUYKEN uns nos outros, todos os dias!!!

Sobre os 3x0... Deixa pra lá. Só te digo que não vi o jogo. Preferi fazer churrasco com um amigo LEIGO em futebol. Rendeu mais. E hoje... VAMO, CAXIAS!!!

Abração!

Leonardo disse...

Verdade Fonseca, os caras ano sim ano não promovem um massacre. Bucha. Estadunidenses é o termo correto mesmo, mas até eu me acostumar a usá-lo. Os latino-americanos que falam espanhol é que usam o termo correto. Pior que aqui na Europa é como no Brasil. "Americano" é sinonimo de estadunidense...sobre a suposição dos videogames de tiro, é coisa de quem nunca jogou videogame. Não sabe o que tá falando esse tal de Phil. Eu jogava Mortal Kombat. Era pra ser serial killer então.

Eu não vi porque aqui não tem na tv. Escutei no rádio. O Inter não foi eliminado ontem, e sim nas partidas anteriores. Paciencia. Brasileirão é obrigação agora!